Estamos contratando funcionários assim

Durante um embarque, nesta semana pela companhia Azul, presenciei algo bastante inusitado.
Uma funcionária chamava bastante à atenção por trabalhar vestida com outras roupas que não o conhecido uniforme azul da Azul –  sem trocadilhos.

De blusa rosa e calça jeans, ela realizava entusiasmadamente o procedimento de embarque das pessoas e um passageiro curioso (estávamos todos muito curiosos com a cena), fez a pergunta tão esperada: por que você é a única funcionária que trabalha “à paisana”?


Eu ali do lado, atento, quietinho como todo palestrante curioso, estava ansioso por sua resposta e quase pulei de alegria quando descobri o que ela estava fazendo. Era o mesmo que prego toda semana, em minhas palestras comportamentais, por empresas de todo o Brasil: ela estava fazendo mais do que é paga para fazer.

E sua resposta foi simples assim: é que também vou embarcar nesse voo e mesmo estando de folga, não pude deixar de ajudar os colegas da equipe a agilizar o embarque.


Existe uma fila enorme de empresas querendo gente assim, em seus quadros.

Tenho certeza de que em breve reencontrarei a Jizandra em algum desses aeroportos, assim como tenho certeza de que terá subido de cargo.

Parabéns moça. Parabéns chefe e colegas dela.

Ah! quer conhecer a Jizandra, agente de aerporto? Aproveitei para documentar o momento e tirei uma fotinha
que está logo abaixo…


 

Junior Portare é palestrante e professor de cursos de pós-graduação da FGV.
Autor do best-seller “Dinheiro dá em Árvore”, Portare ministra palestras e treinamentos por todo o Brasil e fala para aproximadamente, 12.000 pessoas por ano.

[contact-form-7 404 "Not Found"]